psicologia da cor

As nossas mentes estão programas para reagir às cores; elas moldam as nossas emoções e os nossos pensamentos. Estudos confirmam que as cores não só afectam o nosso estado de humor, como também os nossos hábitos de compra. Por isso, é muito importante saber o que é a psicologia da cor.

 

Psicologia da cor em Marketing e UX Design

 

Estando directamente ligadas à visão, as cores estimulam o cérebro e provocam reacções imediatas. Por isso, a psicologia da cor é muito usada em Marketing e Design. Estudos afirmam que as cores estimulam áreas do cérebro que tanto desenvolvem excitação como tranquilidade, por exemplo. Assim, as empresas, principalmente as maiores, conseguem influenciar o seu público-alvo ao, simplesmente, combinar as cores certas.

Neil Patel e Ritika Puri escreveram um guia completo onde podemos compreender estas questões relacionadas com a psicologia da cor (The Complete Guide to understand Consumer Psychology). Neste guia, os autores explicam que:

  • É importante os consumidores valorizam imenso a cor e a aparência visual quando compram;
  • 85% dos compradores colocam a cor como principal razão pela qual compram um determinado produto;
  • A cor aumenta o reconhecimento da marca em 80%. O reconhecimento da marca está directamente ligado à confiança do consumidor.

Embora a percepção da cor seja subjectiva, algumas cores têm significados universais. As cores inserem-se em três categorias: frias, quentes e neutras. Por isso, em psicologia da cor, aconselha-se a usar uma cor de cada grupo para causar um efeito mais eficaz na mente do consumidor. Vamos ver qual o significado de cada cor.

 

Cores frias

As cores frias representam calma e tranquilidade. No entanto, podem também representar frieza ou impessoalidade. Por isso, convém usá-las com cores quentes ou neutras.

Azul: é uma cor sóbria e menos invasiva, que pode reforçar a confiança dos clientes em relação à marca.

Verde: cor usada em hospitais, pois remete à saúde e frescura. Em ambientes corporativos, passa a ideia de preponderância e coerência.

Roxo: é muito usada em SPAs, clínicas de estética, produtos de beleza e outros negócios que visam o bem-estar. O roxo é também usado para remeter à espiritualidade.

Prateado: o prateado é associado à tecnologia, inovação e modernidade. É muito usada por empresas de tecnologia.

 

psicologia da cor - cores frias

 

Cores quentes

As cores quentes tendem a provocar fortes emoções, como energia, vigor, etc. Porém, ao usar somente cores quentes, pode-se provocar emoções indesejáveis, como irritação. À semelhança das cores frias, convém usá-las com outro grupo de cores.

Vermelho: é uma cor usada em campanhas de promoção, pois estimula a acção, chama a atenção dos consumidores e destaca-se bastante.

Rosa: normalmente usado por marcas de produtos infantis e na comercialização de doces. Como dá também ideia de inovação e diferenciação, tende a despertar o interesse dos consumidores em conhecer produtos e serviços novos.

Amarelo: o amarelo é usado para chamar a atenção e ajudar as pessoas a estarem focadas. Esta cor costuma estar em CTAs, para fazer com que os leitores se foquem em determinados detalhes.

Laranja: é perfeita para campanhas e anúncios. Além disso, é usada por marcas mais jovens, para passarem a ideia de energia, criatividade e dinamismo.

Dourado: usado pelas marcas que pretendem transmitir a ideia de riqueza e superioridade.

 

psicologia da cor - cores quentes

 

Cores neutras

As cores neutras são perfeitas para misturas com as frias ou as quentes. São óptimas para fundos em Design e tendem a suavizar o uso de outras cores.

Castanho: estando associado à elegância e sofisticação, é muito usado por empresas de design de interiores, lojas gourmet, etc. Também é usado por empresas que vendem produtos orgânicos, pois transmite a ideia de natureza e rusticidade.

Bege: o bege é muito usado em ambientes interiores, cortinas, tapetes, etc, pois dá a sensação de conforto e aconchego.

Cinzento: é a escolha ideal para ambientes corporativos, uma vez que transmite profissionalismo e responsabilidade. À semelhança do prateado, é usado por empresas de tecnologia, por transmitir modernidade e inovação.

Branco: proporciona harmonia e luminosidade, quando combinado com outras cores. O branco é usado em blogs e CTA’s, para dar mais destaque.

Preto: tem diversos significados, como poder, força, elegância e mistério. É usado em tipografias, para se destacar das cores de fundo e, portanto, haver mais legibilidade.

 

psicologia da cor - cores neutras

 

Em suma, é essencial compreender a psicologia da cor, de modo a usá-la correctamente em Marketing e UX Design.